O DIRETÓRIO INDUSTRIAL
Contate diretamente com as empresas

MKS Marksell adapta plataformas veiculares de alumínio com foco no mercado brasileiro

  • 10/11/2016, Itapevi (SP)

  • O motivo principal da adaptação foi a preocupação em oferecer equipamentos 100% nacionais sem abrir mão das peculiaridades de cada mercado.

 

Peça informação e/ou orçamento

 

Houve um erro e não foi possível enviar a informaçãoNão foi possível enviar parte da informação.
Por favor, tente de novo.
Por favor, tente de novo

Presentes em países da Europa, América Latina, África e Ásia, as plataformas elevatórias de carga veicular em alumínio da MKS Marksell, empresa pioneira e líder na fabricação de plataformas para movimentação de cargas no Brasil, foram adaptadas para o mercado logístico brasileiro.

Segundo o diretor de Novos Negócios da empresa, Jorge Franchi, o motivo principal da adaptação foi a preocupação em oferecer equipamentos 100% nacionais sem abrir mão das peculiaridades de cada mercado. "No caso do Brasil, todo o design dos equipamentos foi modificado. Desenvolvemos um novo quadro, um novo suporte geral, além de reforçamos as mesas com duas longarinas em alumínio a fim de garantir ao cliente a mesma durabilidade das já conhecidas mesas em aço Marksell ", diz Franchi.

Dois modelos

As plataformas de alumínio foram produzidas em dois modelos: convencional e retrátil. Variam de 500kg a 2200kg com centros de cargas de 600 à 750mm e são ideais para movimentar cargas paletizadas, carrinhos de mão, roll containers, araras, cilindro de gases e tambores, além de poderem ser instaladas em veículos de carga leves (HR, Bongos), 3/4, toco, truck e carretas.

"Além de mais duráveis, as plataformas de alumínio são mais leves e garantem a melhor relação custo benefício para um mercado tão variado como o brasileiro, em que esse modal é empregado em um país com dimensões continentais", finaliza o diretor.

Telefone
Ver telefone
Página web
Visitar web
E-mail
Enviar e-mail
Endereço R. João Dias Ribeiro, 409
06693-810  Itapevi
SP - BRASIL
(Clique aqui para ver o mapa)