O DIRETÓRIO INDUSTRIAL
Contate diretamente com as empresas

Manuli Fitasa inicia produção brasileira de filme stretch

  • 27/10/2011, Curitiba (PR)

  • O projeto de extrusão local iniciou na planta de Curitiba e prevê a instalação de mais duas extrusoras até o início de 2012.

 

A Manuli Fitasa iniciou a produção brasileira de Filme Stretch em 3 de outubro, através do funcionamento da primeira extrusora  das cinco previstas no plano de investimento do Grupo Manuli no Brasil.

No mercado desde 2002 como convertedor, esse grande passo representa a evolução e modernização da planta Manuli Fitasa localizada no Brasil, pois com a produção local se soma à já reconhecida qualidade mundial da Manuli, a agilidade de entrega e variedade no mix de filmes stretch.

O projeto de extrusão local iniciou na planta de Curitiba e prevê a instalação de mais duas extrusoras até o início de 2012, que será complementado com nova unidade produtiva em Manaus.  A produção nacional do Grupo Manuli deverá alcançar 35.000 toneladas de filme stretch anualmente.

A Manuli Fitasa no Brasil possui um variado mix de produtos, incluindo arqueação, fitas adesivas lisas e impressas, especialidades industriais, máquinas e equipamentos.

Como parte do crescimento e implemento das linhas no Brasil, a unidade de Manaus, além de filme Stretch, converterá também 40.000.000 m² de fitas adesivas.

No evento Open House, na data marco do início da produção, com a presença de Sandro Manuli, diretor Presidente do Grupo Manuli, foram recepcionados clientes, fornecedores, funcionários e autoridades.