Esse site utiliza cookies próprios e de terceiros para melhorar a experiência e os serviços. Se você continuar navegando, significa que aceita seu uso. Para mais informações, acesse nossa Política de Cookies

Empresa com filial em Canoas e São Paulo vai focar expansão de rede de distribuidores, simplificar e fortalecer o serviço de consultoria e facilitar o financiamento de seus produtos.

A Combilift, líder mundial em soluções customizadas para movimentação de materiais com equipamentos versáteis e multitarefas com crescimento anual de 10%, aposta em um ano de 2017 otimista e, ao mesmo tempo, realista, com relação a resultados comerciais no país. A marca irlandesa focará suas estratégias de vendas em alternativas de financiamento de máquinas, ampliação da rede de distribuidores e em consultoria, para disseminar conceitos como a comprovação dos ganhos de espaço, segurança e produtividade proporcionada por seus equipamentos, mensurando ganhos e justificando as decisões financeiras.

"O ano de 2016 para a Combilift no mundo foi um ano próspero: completamos 18 anos de fundação, entregamos nossa empilhadeira número 30.000, iniciamos a construção da nova fábrica na Irlanda, com 46 mil m2 e que nos levará ao faturamento projetado de 1 bilhão de euros/ano", destaca Rafael Kessler, diretor comercial da marca no Brasil. "No Brasil, foi um ano difícil mas ampliamos nossa atuação no agronegócio, acompanhamos a retomada do setor de óleo e gás, e iniciamos projetos de melhoria, em especial de ganho de espaço, nas empresas".

O executivo esclarece que, a exemplo da crise de 2008 na Europa, a Combilift no Brasil plantou em 2016 o que vai render os resultados positivos com investimentos diversos na marca para que sua competitividade se mantenha: novos produtos, inovação tecnológica, marketing e feiras de negócios, e um forte trabalho para ampliar a presença em outros estados do país trabalhando conceitualmente a logística rentável com soluções customizadas.

O setor de óleo e gás foi reanimado com a entrada mais consistente de players internacionais, que já são clientes Combilift em países como Estados Unidos, Escócia e Noruega; com os fabricantes de máquinas agrícolas, e com os operadores logísticos, tanto de carga seca como de frigorificados, que comprovaram os ganhos de espaço aliados à simplicidade e robustez das empilhadeiras. "Para este segmento dos operadores logísticos, estamos desenvolvendo um modelo de negócio para acelerar a decisão de compra do equipamento Combilift que em breve será mostrado ao mercado", finaliza Kessler.